FLAG COUNTER DE RECEITAS E SEGREDOS DA COZINHA MINEIRA DESDE 29/02/2013

FLAG COUNTER DE RECEITAS E SEGREDOS DA COZINHA MINEIRA DESDE 29/02/2013
117 países já visitaram este site! Clic na imagem para ver!

quarta-feira

Merengue Italiano

Para fazermos o creme chiboust, que planejei na postagem anterior, precisaremos do creme de confeiteiro, chamado creme base, que já foi testado. Também precisaremos de um merengue, chamado, italiano. Como já temos a receita do creme de confeiteiro, vou passar a receita do merengue italiano, que é muito simples.

O merengue é uma mistura leve e doce feita a partir de claras em neve e calda de açúcar que serve como base para diversas receitas, como suspiro (basta levar o merengue ao forno). Sozinho, é uma ótima opção para decorar bolos e tortas, sendo usado num saco de confeitar,  além de combinar muito bem com as frutas no verão.

O merengue teria sido inventado por um confeiteiro suíço chamado Galisparini durante sua estada na cidade alemã de Meiringen. Já a outra versão diz que a palavra vem do polonês marzynka, e teria sido criado por um chef em serviço na corte do rei Stanislas I Leszczyński, que mais tarde virou o duque de Lorraine. Ele, então, teria passado a receita para sua filha Marie, que a apresentou à França. Boatos contam que a famosa Maria Antonieta gostava tanto de merengue que ela mesma o fazia.

Sabemos que há 3 tipos de merengue: o francês, o suíço e o italiano. O francês é o mais simples. Basta misturar claras em neve com açúcar. A receita suíça pede que os ingredientes sejam fervidos em banho-maria antes de irem para a batedeira. Esta é a receita italiana:

Profiteroles recheados com merengue


MERENGUE ITALIANO

INGREDIENTES

200g de açúcar branco refinado
100 ml de água (meio copo - pq)
60g de clara de ovo (2 claras)

MODO DE PREPARO

Em uma panela, coloque o açúcar e a água. Deixe ferver em fogo médio até que a mistura borbulhe e comece a mudar de cor – de incolor para amarelado. Enquanto isso, bata as claras em neve, na batedeira,  até conseguir picos firmes. Esse procedimento leva quase o mesmo tempo necessário para fazer a calda.

Com a batedeira em velocidade máxima, acrescente em fio a calda de açúcar às claras em neve. Quando terminar, deixe a batedeira ligada até que a vasilha esteja morna, quase fria. E está pronto!
O merengue italiano não vai ao forno, como o suspiro. 



Créditos:
Merengue Italiano:
Webpage: Cabaré Culinário
http://cabareculinario.wordpress.com/2012/01/31/cardapio-merengue-italiano/



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...